quinta-feira, 27 de setembro de 2007

Gotas de Luz


Gotas de Luz



Gotas de Luz é um segmento virtual e não está ligado a religião por isso está publicando esse blog para divulgar o Mestre Okada para pessoas que vem  em busca da elevação da espiritualidade através do espírito do servir, sem barreiras religiosas, preconceitos ou atitudes egoístas. Desejamos vivenciar e participar ativamente da realização do ideal de Meishu Sama: um mundo isento de doença, miséria e conflito.
Desde já comunicamos que você é nosso convidado para participar deste movimento universalista e altruísta que expressa o mais puro sentimento, prática que dia após dia se distancia do conceito "religião".
Nossa missão:
"É A UNIÃO”. 
Entre sem bater. Damos as boas vindas aos bons corações. Sinta a harmonia do ambiente, desfrute deste lugar como se estivesse em um pedaço do Céu na Terra, relaxe, respire profundamente, absorva a energia que flui por este local sagrado, revitalize seu corpo e seu espírito.
Traga você também a sua semente da paz e plante em nosso jardim dos sonhos. Sinta-se à vontade para visitá-lo e frequentá-lo diariamente. Neste local, você, meu amigo, poderá apreciar e testemunhar o crescimento e a evolução desta flor que já tem um nome: - "altruísmo".
Baseado nisso que o Blog Gotas de Luz tem por finalidade divulgar, e ensinar a praticar a filosofia de Mokiti Okada que não foi somente o fundador da Religião Messiânica, mas também nasceu com poderes especiais, revelados por Deus para que se tornasse o Salvador da Humanidade.
Quem somos? Somos o que você sentir.
Seja bem vindo a Gotas de Luz


 

Os pilares da religião são Meishu Sama , Johrei e Ensinamentos. 

1 - Meishu Sama porque além do fundador da religião é também considerado O Messias e Salvador agindo assim como o Deus da Messiânica. 

2 - Johrei é uma luz advinda de Meishu Sama por ser possuidor da Bola de Fogo outorgada a Ele por Deus Supremo e assim é a luz divina que passa através da imposição das mãos e tem o poder de purificar o espírito e consequentemente como a religião acredita que espírito precede matéria e o espírito estando sem impurezas logicamente a matéria viverá sem doenças que é a principal causa dos problemas da humanidade. Porque sem a saúde tanto mental, físico e emocional o homem vive na pobreza e muitas vezes com conflitos porque afeta a base estruturar do homem. Assim sendo, o Johrei foi criado por Meishu Sama após a revelação de Deus, justamente para que as pessoas possam ter felicidade vivendo sem doenças, pobreza e conflitos. (Vide Johrei abaixo a seguir).

3 - Ensinamentos porque são os escritos divinos revelados por Deus a Meishu Sama como o ser humano pode encontrar a salvação seguindo as leis de natureza consequentemente as leis de Deus.
Meishu Sama ensina:
O Homem Depende do Seu Pensamento, mas se quiserem viver em ordem e harmonia na vida, a pessoa precisa fundamentar o pensamento na Verdade, não somente no pensamento ou na verdade de cada um. Essa verdade é sempre o PENSAMENTO de Deus, sua razão, seu sentimento e sua vontade, ou seja, desde que incorporem a Verdade do pensamento de Deus ao pensamento de cada um. E essa verdade só poderá ser conhecida através dos ensinamentos.

As colunas da salvação da religião são três baseadas em na Verdade, Virtude e Beleza.

1 - Acreditamos na Verdade como Deus Supremo representado por Meishu Sama

2 - Na Virtude como o mundo espiritual representado pelo Johrei.

3 - E na Beleza o mundo material, com a criação do ser humano, também podendo ser representado como os ensinamentos.

Dentro da terceira coluna de salvação que é a Beleza ou o Belo estão englobadas a Agricultura Natural, Artes e Ikebanas.

A Agricultura Natural onde Meishu Sama ensina que os alimentos deverão ser sem agrotóxicos e portanto sem toxinas em nosso organismo, tornando os homens verdadeiramente saudáveis. 

As Artes onde nós procuramos integração através das obras de arte, cinemas,  teatros e músicas de alta qualidade. Pois acreditamos, que através dessa belezas nosso espírito se eleva e conseguimos viver em estado natural para alcançarmos a felicidade.

As Ikebanas são pequenos arranjos florais que acreditamos que onde existe em cada canto da casa, em um jardim, em escritórios, etc.. a flor também ajuda a proteção do ser humano recebendo luz do criador. 

MEISHU SAMA - Luz do Oriente


video

Meishu Sama (o Senhor da Luz, em japonês) também conhecido como Luz do Oriente,  nasceu no dia 23 de dezembro de 1882 em Tóquio, capital do Japão, num bairro chamado Hashiba. Tanto a data quanto o local de seu nascimento estão, do ponto de vista espiritual, estritamente relacionados à missão que deveria desempenhar durante a sua vida terrena, como propagador da Luz do Oriente, através da divulgação dos Sagrados Ensinamentos que lhe foram revelados por Deus, visando a Salvação da humanidade.
Até 1920, Meishu Sama foi um homem comum, dotado, contudo de grande inteligência, profunda nobreza de atitudes, enorme senso de justiça, incomparável sensibilidade artística e grande amor à humanidade. Durante algum tempo, dedicou-se também a atividades comerciais com o objetivo de conseguir os recursos necessários para fundar um jornal visando à defesa das causas sociais.
Em um dia de dezembro de 1925 a meia noite Meishu Sama começou a receber as primeiras revelações de Deus. através das quais descobriu o grande Plano Divino para eliminar do mundo todos os infortúnios, tais como: doença, pobreza e conflito. Ao mesmo tempo tomou conhecimento de que ele fora o escolhido pelo Criador para construir na terra, o Reino do Céu.
No início de sua missão, Meishu Sama ficou em dúvida a respeito de tantas e tão extraordinárias revelações. Não aceitava ele um simples mortal pudesse ter sido incumbido de tamanha missão. Pouco a pouco, porém, ocorrências misteriosas à sua volta o fizeram aceitar a verdade dos fatos sem contestação. Assim, na década de 30 já com 45 anos, era um Grande Mestre, com o grau de ken jin jitsu (sabedoria que transcende o tempo e o espaço) que lhe permitia não só enxergar o presente, o passado e o futuro da humanidade, mas também ter a possibilidade de já revestido de todo esse poder, trabalhar concomitantemente no mundo material e Divino.
Foi assim que na madrugada de 15 de junho de 1931, Meishu Sama, acompanhado de um pequeno grupo de discípulos, subiu ao Monte Nokoguiri para aguardar o nascer do Sol e fazer oração.
Ao alvorecer, recebeu a extraordinária revelação de que se aproximava a Era do dia, marco inicial de uma nova civilização. Dias mais tarde, instalou-se em seu ventre uma “Bola de Fogo”, conhecida em sânscrito como Cintâmani e em japonês como Nyoi-Hoshu, sendo Hoshu = Cinta, termos que em português correspondem à palavra bola; Nyoi = Mani cujo significado é “força capaz de realizar todas as vontades”.
Investido então de um poder ilimitado, passou a dedicar-se em tempo integral a salvação da humanidade. Nos primeiros tempos, quando Meishu Sama começou a curar doenças através do Johrei, a Era do Dia estava apenas no inicio e a Luz Divina estava ainda bastante fraca; por essa razão, somente Ele era capaz de canalizá-la e, assim mesmo, empregando força física por meio de massagens, feitas com a ponta dos dedos, em determinadas partes do corpo.
Também nessa época, Meishu Sama adquiriu a firme convicção de que o Johrei resolveria todos os problemas da humanidade. Imbuído de tamanha certeza, começou a divulgar essa verdade, tendo, como suporte, a própria experiência resultante de suas pesquisas e observações. Procurou então uma forma de outorgar para toda a humanidade a Luz que estava nele. Foi assim que descobriu ser possível fixa-la em papel, através da letra. A partir daí, escrevia diariamente a palavra Ohikari (Luz). Depois de prontos dez pacotes, cada um com cinquenta escritos, Meishu Sama se concentrava durante cinco minutos, para impregná-los com a Luz de Deus, centralizando assim, em cada um dos Ohikari toda a força oriunda de sua “Bola de Fogo” e cada um que recebe o Ohikari está ligado diretamente com ele. Dessa forma, começou a conceder aos seus seguidores (mamehito) permissão para canalizar Johrei. Desde então, todos os Mamehitos passaram a ministrá-lo, inicialmente a familiares e amigos, com resultados surpreendentes.
Ainda nesse mesmo ano (1935) Meishu Sama, fundou a primeira igreja, mas logo foi obrigado a fechá-la, por imposição do regime militar, não havia liberdade de crença. Daí, as autoridades japonesas ordenaram-lhe que não misturasse ensinamentos religiosos com trabalho de cura. Impuseram-lhe a escolha entre um ou outro. Optou, então pela cura.
Nos dez anos seguintes, dedicou-se somente a salvação daqueles que vinham procurá-lo impregnando a Luz Divina como se fosse um tratamento, visando apenas à cura física. Mesmo assim, as pessoas que se aproximavam dele sentiam intensamente a presença de Deus, por isso retornavam e o indicavam a outras. Dessa forma, o número de seus seguidores ia aumentando.
Quando Meishu Sama passou para o mundo espiritual, em 10 de fevereiro de 1955, aos 72 anos já contava com mais de 150 mil seguidores no Japão. Em menos de dez anos, conseguiu organizar a Igreja (que deixou três grandes igrejas a Tegoku, Miroku e Taissei depois abriu a quarta chamada Koho, dessas quatro foram instaladas 76 igrejas médias e filiadas a estas 710 igrejas), formar Ministros, escrever os Ensinamentos e edificar um museu com valiosíssimas coleções de obras de arte orientais, além de começar a construção dos solos sagrados de Atami e Hakone. O solo de Kyoto só foi concluído após sua morte.
À medida que o tempo passa, as profecias de Meishu Sama vão se confirmando. A contaminação dos alimentos por agrotóxicos, o aumento dos índices mundiais de criminalidade, o agravamento das enfermidades existentes e o surgimento de novas e terríveis moléstias – muitas delas causadas pelos próprios medicamentos utilizados pela moderna ciência médica – são hoje fatos incontestáveis.

JOHREI


video

Johrei é uma palavra japonesa que significa “purificação do espírito” (Joh = purificar, rei = espírito). Tal purificação ocorre através da canalização da Luz de Deus, pelas palmas das mãos, como mostra a figura.
O Johrei é formado, inicialmente, pela união do espírito do fogo (kasso), com o da água (suisso), que, passando através de um ministrante (espírito da terra, dosso), transforma-se em uma Luz capaz de curar as doenças e outros infortúnios.
O método de canalização do Johrei consiste em pendurar ao pescoço uma medalha contendo, em seu interior, um pequeno papel com a palavra Hikari (Luz), escrita por Meishu Sama. A partir daí, os efeitos começam a se manifestar, porque da palavra Hikari se irradiam poderosas ondas de Luz, transmitidas do papel ao corpo do ministrante, que pode, assim, canalizar essa Luz para uma outra pessoa.
É importante ressaltar que esse poder advém de Meishu Sama, que recebeu de Deus uma bola de Luz, instalada em seu ventre, cuja fonte é o Nyoi no Tama, poder de Kanzeon Bossatsu (Deus para os Japoneses), no Mundo Espiritual
De acordo com Meishu Sama: “Aparentemente, a finalidade do Johrei é a cura das doenças. Mas, na verdade, o seu objetivo é muito mais amplo. Em síntese, Johrei é uma maneira de criar felicidade. Em termos simples, o Johrei cura as enfermidades porque dissipa a sua causa, que são as nuvens espirituais. Mas ao purificar o corpo espiritual de suas nuvens, o Johrei elimina, simultaneamente, todos os sofrimentos do ser humano. Porque a pobreza e o conflito também são manifestações da ação purificadora, juntamente com a doença. Dentre as purificações, entretanto, a principal é a doença, porque afeta a própria vida. Portanto, resolvido o problema da doença, a pobreza e os conflitos também o serão. Este é o princípio da felicidade”.
Qualquer pessoa pode ministrar Johrei, desde que passe pelo Curso de Formação.

Johrei de  Meishu Sama
video


IKEBANA

Meishu Sama também dizia que o homem se eleva espiritualmente através das artes visitando museus como também através das flores. Por conseguinte, incentivou o adorno das flores nos lares. Ele dizia, que o contato com a flor (natureza) resulta no desenvolvimento da sensibilidade, é considerada uma forma de meditação. Iniciar-se no seu aprendizado é um caminho de autoconhecimento e elevação da espiritualidade
Ikebana é uma arte milenar japonesa cuja a técnica consiste em arranjar galhos de flores naturais em plena harmonia com o vaso utilizado, o ambiente e a ocasião.

Poema de Meishu Sama

A beleza da flor

Quando a fixo compenetrado.
Volto a sentir quão profundas são as bênçãos de Deus.
Conheci a alegria do mundo ao adornar minha sala,
Com a camélia que floresceu no jardim.
Aqueles que têm o desejo ardente de se igualar 
À beleza das flores,Possuem corações 
Que a elas se assemelham.

Onde existe flor aflora a luz 
(Meishu Sama) 

No vídeo abaixo uma Exposição de Ikebanas e 
quadros de arte na Regional do Rio de Janeiro

  video


Nada, pois a não ser o poder da Luz,
 poderá livrar a humanidade de tantos infortúnios
(Poema de Meishu Sama)


Poema do Rev. Nakahashi em homenagem a Meishu Sama

Divinal Senhor, fulgurante Sol que ilumina o mundo, 
guiando o homem na trilha da felicidade.
O Kototama (palavras) verdadeiro de Meishu Sama 
expressa a pura essência do verbo de Deus Criador.

Da Nova Era insigne construtor. 
Prontas já deixou as colunas mestras do Reino do Céu na Terra.

Sublime vida de amor dedicada às criaturas! Não O conheceu, porém, a grande maioria.
Quando escreveu Ohikari, intensa e inefável Luz se manifestou. Nova vida a todos mostrou.

CONTRIBUIÇÃO
Gratidão:

Falar de donativos hoje em dia é muito complicado porque tem pessoas que ainda não despertaram para a fé e criticam. No entanto, o segredo é bastante simples e se resume em poucas palavras. Leia e reflita essa pérola de Meishu Sama, sinta e perceba que é uma grande verdade:
É realmente verdade que gratidão gera gratidão e lamúria gera lamúria. Isto acontece porque o coração agradecido comunica-se com Deus e o queixoso relaciona-se com Satanás. Assim quem vive agradecido, torna-se feliz; quem vive se lamuriando, caminha para infelicidade.

Agradecer a Deus com contribuição:

Todos nós contraímos “dívidas”, isto é, contrariamos as leis do Universo não somente nesta vida, mas também ao longo de outras passadas. Além disso, temos nuvens herdadas dos nossos ancestrais e repassadas de geração a geração num processo cumulativo. Então, os sofrimentos que nos afligem no dia-a-dia são para saldar essas dívidas urna a uma. Quando elas não são pagas, os “juros” se acumulam. Portanto, precisamos nos livrar delas o quanto antes, prestando serviços à causa de Deus e esforçando-nos no sentido de fazer o melhor possível em nível de gratidão, numa atitude de reconhecimento sincero por todas as bênçãos recebidas, estaremos recorrendo a uma alternativa muito mais suave e eficaz para a dissipação das nuvens acumuladas. Por isso, é maravilhoso termos oportunidade de contribuir financeiramente para a Obra Divina. Agindo dessa forma, poderemos limpar as máculas e, ao mesmo tempo, despertar a consciência, no sentido do desenvolvimento de atitudes altruístas e de virtudes que propiciem a concretização do Plano Divino, qual seja, a construção do Reino do Céu na Terra.
Mesmo que se ganhe muito dinheiro, se for acumulado com ganância, para nada servirá. Pior ainda, quando desperdiçado em coisas supérfluas ou prazeres insalubres. Causará males incontáveis e nenhum bem.
Na oferta monetária a Deus devemos oferecer o nosso sentimento sincero. Portanto, é impossível estipular uma quantia. A princípio sabemos que existem tais e tais gastos e assim poderia adotar um critério, mas isso não aplicaria a todos os lugares. Há quem pense também: Tal pessoa ofereceu tanto, se eu não oferecer o mesmo não ficará bem. Ora, dessa forma, não saberemos se a oferta está sendo aos homens ou a Deus.
O donativo monetária oferecido a Deus é diferente das contribuições feitas as associações de bairro, por exemplo. Os ricos devem oferecer bastante e os pobres, nem tanto. Em suma, a questão está no sentimento sincero. Sinceridade é oferecer o máximo de si, dentro de suas posses. Se uma pessoa que possui muito oferecer tanto quanto uma pessoa que possui pouco não está sendo sincera. Da mesma forma se uma pessoa que possui poucos recursos, imitar uma pessoa que possui muito, estará fora da lógica.
Gostaria que fizessem a oferta monetária com o sentimento que esse é o momento para agradecer a Deus as graças recebidas com o máximo de alegria e desprendimento.

(Meishu Sama - em 23 de outubro de 1953)

Pedidos de Prece

Quanto mistério existe quando um pedido correto, sinceramente feito, é atendido por Deus. Muito feliz me sinto.

(Meishu Sama)

Miroku Daikokuten


Todos os fiéis da nossa igreja veneram Daikoku, o Deus da prosperidade. Comecei a venerar o Daikoku pelas seguintes razões:
No ano de 1933, eu estava com dívidas já havia algum tempo, um pouco desanimado. Um funcionário do Banco que me visitava, tinha uma antiga imagem de Daikoku a qual me ofereceu de presente. Eu a aceitei com gratidão e a coloquei em frente ao pergaminho sagrado ao qual estava a imagem de Kannon. Daquele mês em diante meus problemas financeiros terminaram e o dinheiro começou a entrar em grande quantidade. Percebi então, que Daikoku era o verdadeiro Deus da prosperidade, e pedindo as pessoas juntei tantas imagens quanto possível. Logo eu tinha mais de cinquenta. Um dia logo após a Kannon Kai (igreja de Kannon) ter sido estabelecida, um dos meus seguidores que havia uma esplêndida imagem de Daikoku, tamanho natural numa loja em Takagi-sho, Azabu. Corri para vê-la e era realmente um trabalho, de um bom período. Quando perguntei se a venderia, educamente recusaram, dizendo que eles a tinham como objeto sagrado. Não conseguindo meu intento fui embora. Isso foi no meio de dezembro.
Entretanto, felizmente na noite do Ano Novo o proprietário da loja me ligou para me dizer que me cederia a estátua e se eu quisesse me entregaria imediatamente, Fiquei felicíssimo, Ela foi entregue de carro naquela mesma noite e imediatamente a coloquei em frente a Kannon. As palavras do dono da loja, são interessante de se notar: "Uns poucos dias de o Sr. viu a estátua, tive um sonho. Sonhei que o Daikoku tinha se ido da residência dele, flutuando em nuvens de Glória. Quando acordei, compreendi que minha ligãção com ele havia se rompido mas não conseguia aceitar o fato. Como tinha que resolver isto antes do fim do ano e hoje já é o último dia, decidi permitir que o Sr. ficasse com a imagem.
Quando perguntei quanto queria pela estátua, disse que pelas circunstâncias preferia não definir preço. Qualquer importância estaria bem. Naqueles dias os preços eram muitos baixos paguei a ele trezentos yens. Quando saia, parecia ter dificuldade em conter a dor e se abraçando fortemente a Daikoku derramando muitas lágrimas.
Depois disso minha renda subitamente cresceu e só posso achar que isso foi inteiramente devido a Daikoku. Coloquei o nome de Miroku Daikokuten na estátua. Qualquer um que me visitou quando vivia em Kojimachi ou Tamagawa certamente lembrará de mim, orando a ele.

(Meishu Sama)

Oração para Miroku Daikokuten

Miroku Daikokuten mamori tamaê saki haê tamaê
Miroku Daikokuten mamori tamaê saki haê tamaê
Kan nagara tamati haê massê
Kan nagara tamati haê massê

Sugestões para obter melhores resultados:

- colocá-la em lugar de destaque

- pedir com humildade o que quer.

- agradecer após conseguir o que pediu

- agradecer quando ganhar outras bênçãos mais.

- fazer donativos regularmente.

- não prejudicar o próximo ou o universo.

- ajudar a humanidade regularmente.

- o dia da oração a Daikoku é sempre o dia 18 de cada mês.


Para maiores esclarecimentos sobre Meishu Sama e sobre a religião acessem os endereços de outros sites e grupos:

Livros com ensinamentos de Meishu Sama veja em sua Biblioteca através do link no facebook: https://www.facebook.com/groups/503411193055724/

Scraps de Meishu Sama com ensinamentos acesse o link: https://www.facebook.com/groups/1575963229290540/

Diversas mensagens que poderão compartilhar através da comunidade Portal Gotas de Luz. Acesse o link: https://www.facebook.com/PortalGotasDeLuz

Blog Casa do Johrei
https://casadojohrei.blogspot.com.br/

No youtube o link de Gotas de Luz com vários vídeos de ensinamentos é:
https://www.youtube.com/user/Gotasdeluz



site da religião:
http://www.messianica.org.br 



Para outras quaisquer informações é só contatar com o e-mail gotasdeluz1@gmail.com . .




video
contador de blog